Segunda-feira, 19 de Outubro de 2009

Saramago dá-me vómitos

 

 

Apesar de apreciar bastante a literatura de José Saramago, fico altamente desagradado com algumas das suas declarações, muitas delas verdadeiras patavinices.

 

As referências que fez à Bíblia e às crenças cristãs, são verdadeiras barbaridades. Aceito que pense assim, mas parece-me incorrecto ferir a fé de terceiros.

 

Considerar que a Bíblia e a fé cristã são testemunho de um pensamento jacobino, sectário e intolerante, é sentir prazer na agressão e não me parece que seja para revelar o seu sentido e espírito crítico. Poderia sê-lo, mas não desta forma.

 

Quando Saramago faz este tipo de declarações, ofende muitos portugueses e crentes no cristianismo de todo o mundo. Ofende a minha família, logo ofende-me a mim.

 

Para alguém com o seu estatuto intelectual parece-me perfeitamente desnecessário.

 

Também me parece que já não necessita de publicidade gratuita para vender as suas obras. Ainda assim, irei ler Caim.

 

António Costa da Silva

 

publicado por alcacovas às 11:15
| comentar
13 comentários:
De alcacovas a 19 de Outubro de 2009 às 13:14
Concordo inteiramente como o teu texto. Já li alguns livros de José Saramago, o último que li foi “Intermitências da Morte” e prometi que não iria ler mais nenhum livro deste senhor.
Eu sou daqueles portugueses que assim que ele disse que tinha vergonha de ser português, se isso fosse possível, retirar-lhe-ia o título de nacionalidade portuguesa. Pois prefiro que o meu país não tenha nenhum autor galardoado com o Prémio Nobel da literatura, do que ter um atrasado mental! Mesmo que esse atrasado mental tenha uma capacidade intelectual enorme.
Ao ofender a Igreja Católica da forma gratuita que o faz, ofende-me a mim e à maior parte dos meus amigos e familiares. Por isso ao contraio de ti, eu desta vez não irei ceder à mestria de Saramago e não vou ler Caim.

Abraço,

Ricardo Miguel Vinagre
De peixebanana a 19 de Outubro de 2009 às 17:05
Caim, caim, caim... o mauzão do saramago deu um pontapé na biblia.

Ricardo com todo o respeito por si e pela sua familia, eu não sou catolico, tenho a religião da minha propria consiência, já coloquei em causa muita coisa que li bem como todos os procedimentos dogmaticos da religião catolica e no entanto continuo a respeitar qualquer crente de qualquer religião, como eu costumo dizer, é mais facil acreditar, mas se acreditar pressupõe não questionar, então isso não serve para mim.

Penso que o que o saramago está a fazer não passa disso mesmo agora que se encontra numa idade avançada da sua vida.

E há sempre a possibilidade de não ler

um abraço
De Tiago Afonso a 19 de Outubro de 2009 às 23:21
É atrasado mental porque não partilha dos teus valores Ricardo?
De alcacovas a 19 de Outubro de 2009 às 16:44
Já lá vai o tempo em que quem questionava a existência de deus(es) e os dogmas da [tão questionável] santa igreja católica e apostólica era considerado atrasado mental..
Não vejo nada de errado nas declarações de José Saramago, ele é livre de questionar e dizer o que entender. E que bem faz à igreja ser questionada. Questionar só nos aproxima da verdade. Vá lá ricardo, lê Caim, vais ver que vais gostar.
Abraço,
B. Borges
De Aires da Costa a 19 de Outubro de 2009 às 19:32
Eu estou precisamente ao contrário. Não aprecio em nada os livros do Saramago (tentei ler dois e não acabei nenhum). Quanto às suas declarações quase sempre estou plenamente de acordo.

No que concerne às observações sobre a Bíblia, o que tenho a dizer é simples: Só quem não a leu é que pode não deixar de considerar que muitas das suas histórias são de uma desumanidade extrema, autênticas histórias de horror.

Quanto á Igreja Católica, ela própria tem muitos episódios da mais pura barbárie, alguns deles passados aqui bem próximo.

Acredito que haja pessoas que se sintam ofendidas por alguém considerar que queimar pessoas vivas é uma barbaridade. Felizmente actualmente em Portugal a Igreja já não tem poder para me mandar para a fogueira por o dizer ou por afirmar que a cobertura que a Hirerarquia da Igreja Católica dá aos pedófilos, nomeadamente nos EUA e na Irlanda é no mínimo duma imoralidade extrema
De alcacovas a 19 de Outubro de 2009 às 21:01
Curiosamente, quando ouvi as declarações do Saramago pensei no Aires Costa...
Pois é, esse é precisamente o erro de princípio: pagar a intolerância com intolerância. E isso incomoda-me, porque Saramago não é um qualquer.
Saramago com estas afirmações não critica, provoca.
Eu sei que ele é livre (tal como qualquer um de nós) de dizer o que pensa. Só que, "não havia necessidade".
Um Abraço
António Costa da Silva
De Tiago Afonso a 19 de Outubro de 2009 às 23:55
Por ser quem é tem o dever de defender os seus valores, digamos que é uma missão, visto ele ter ao seu alcance uma máquina que permite que a sua palvra chegue aos sete cantos do mundo. Quem não quiser ler pode sempre ler ou reler a biblia como protesto. Eu não sou crente não concordo com uma linha da biblia e nunca sai por ai a chamar atrasados mentais aos que que puseram no mercado, simplesmente li por curiosidade e fiquei ainda com mais certezas quanto à minha descrença.

Quanto ao Vaticano devia ajudar quem precisa, fazer o bem como prega, ao invés de ostentar a sua riqueza, já para não falar na sua sabida ligação à máfia.

saudações,
De Aires da Costa a 19 de Outubro de 2009 às 20:53
E ouvi, vinda do Templo, uma grande voz, que dizia aos sete anjos:

"Ide e derramai sobre a Terra as sete taças da Ira de Deus"
O primeiro foi derramar a sua taça sobre a terra e uma úlcera maligna e dolorosa feriu os homens que tinham o sinal da besta e adoravam a sua imagem

O segundo...o mar, que se converteu em sangue,...

O terceiro...nos rios e nas fontes e estas transformaram-se em sangue,...

O quarto...o Sol e foi-lhe permitido queimar os homens com fogo

O quinto...o trono da Besta. O seu reino cobriu-se de trevas e os homens mordiam de dor as suas línguas....

O sexto... o grande rio Eufrates: então as suas águas secaram

O sétimo...no ar,...Houve então relâmpagos, vozes, trovões e um grande tremor de terra, tão grande como nunca tinha havido desde que há homens sobre a terra. Agrande cidade fendeu-se em três partes, e as cidades das nações desmoronaram-se. Deus lembrou-se da grande Babilónia, para lhe dar a beber a taça do vinho da Sua ardente ira....

Se quiserem mais algumas passagens elucidativas é só dizerem
De peixebanana a 19 de Outubro de 2009 às 22:12
isso é o quê extratos do pesadelo em elm street 3
De Tiago Afonso a 19 de Outubro de 2009 às 23:20
Concordo em pleno com a Aires e com o Saramago, a Biblia é um livro que deve estar guardado na prateleira mais alta da estante da biblioteca, para uma criança não ler tais barbáries pode provocar traumas. Tivemos que levar com o desrespeito da Igreja para com os não crentes e agora porque uma pessoa ( Saramago prémio Nobel), decide expressar a sua livre opinião num livro ai Jesus Cristo nosso senhor é um atentado às familias.... oh por favor!!! É um Nobel e este livro faz-me gostar ainda mais dele e quero-o ainda mais português porque Portugal precisa dele. Desejo que viva mais 50 anos para escrever muitos livros, de preferência com esta vertente.

Os crentes que estejam descansados porque não vamos queimar ninguém, temos as mãos bem limpas sem uma pinga de sangue.
De Piteira a 20 de Outubro de 2009 às 00:52
Ora, ora... um daqueles artigos que me apetece comentar. Bem Ricardo, se leste as Intermitências " e ficaste sem querer ler mais nada... e depois assustas-te com Caim? É que nesse primeiro ele é, quase que em fase única, tolerante, tão tolerante que deixa o fatalismo de parte para falar de uma morte apaixonada... Se eu pensar que algures nas profundidades da Bíblia já li essa "morte com paixão" que se personifica em Cristo...

Deixem lá o Senhor dizer mal dos católicos instrumentalizados. Eu acredito em Deus e em Cristo. Talvez o Saramago também. Mas quando calçar sapatos Prada , ou dominar uma multinacional, quero que seja não por dogma de fé, mas por competência. E o Saramago sabe bem da sua Azinhaga.

Abraço a todos.
De Filipe a 20 de Outubro de 2009 às 00:56
Sinceramente, alguém se sabe dizer algo bom que a igreja católica tenha feito por Portugal, ou até pelo mundo?!

Podem sempre dizer que ajuda quem precisa. Mas ajuda como? Com o dinheiro que pessoas em desespero, na sua maioria com poucos recursos financeiros, dão para obter ajuda divina, para ficarem bem vistas diante de Deus. Mas que raio de Deus é esse que só ajuda se for pago para tal?!
O negócio de Fátima deve ser dos mais lucrativos no nosso país!!!
Enquanto os pobres investem o pouco dinheiro que têm para comprar um milagre, no Vaticano vive-se no meio do luxo e da soberba.

A igreja católica foi e continua a ser um dos grandes entraves para o desenvolvimento cultural e cientifico a nível mundial.
Desde sempre puniram quem discordava das teorias religiosas. Galileu Galilei foi preso e forçado a desmentir a teoria heliocêntrica. Era tudo uma heresia, diziam eles!! Hoje em dia verifica-se que, afinal, o senhor até tinha razão...
Quantos estudos e teorias mais terão eles impedido de se realizar?!
Os trovões... era Deus a mostrar a sua ira...
E a teoria do criacionismo? Ainda alguém acredita que foi Deus que fez o homem e a mulher, coisa cuja unica prova é o que vem escrito na bíblia?
Contra o preservativo?! Acham que o único objectivo da prática sexual é a procriação? então porque continuam a violar menores?

Ninguém pode dizer mal da Igreja Católica, mas eles desde sempre ofenderam as outras religiões e tentaram "domesticar" os infiéis. Desde as cruzadas até hoje. Milhares de mortes e quantidades abundantes de sangue derramado.

É essa a igreja bondosa que protegem e acarinham?! Que só quer o bem da Humanidade!?

Apesar de não compreender, não condeno nem critico quem tem a sua fé em algo superior, num determinado Deus. Apenas não consigo compreender como ainda acreditam e veneram essa instituição.
De JPC a 20 de Outubro de 2009 às 14:30
Mais uma vez, Saramago faz serviço público: certeiríssimo. Mau grado as vacas sagradas ofendidas, que acham que a "fé de terceiros" deve estar acima da crítica e que toda a crítica tem de ser feita com o respeitinho devido à velhice da vaca sagrada. Felizmente há cada vez mais saramagos entre nós. As convicções místicas não são inimputáveis.

Já agora, o jihadismo islâmico, essa fé de terceiros, também não deve ser ferida?

Os livros ditos sagrados, incluindo a Bíblia ou o Corão, como ficções que são (mais simbólicas para uns, mais literais para outros), têm as interpretações que nós quisermos, ao sabor da época ou do freguês. Chamam-lhe pomposamente exegese.

Comentar post

Publicado por:

André Correia (AC); António Costa da Silva; Bruno Borges; Frederico Nunes de Carvalho; Luís Mendes; Ricardo Vinagre.

Posts recentes

_

***

“Alcáçovas Vila Global”

Inauguração da obra de Re...

Recordação do nosso Blog:...

Há 6 anos atrás começou a...

Vitória

Um brinde à Arte Chocalhe...

O Fabrico de Chocalhos já...

Mostra de Doçaria de Alcá...

Arquivos

Fevereiro 2019

Outubro 2016

Agosto 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Blogs

Pesquisar neste blog