Sexta-feira, 9 de Outubro de 2009

Ordenamento do Território, Urbanismo, Ambiente e Qualidade de Vida

   

No concelho de Viana do Alentejo, nos domínios do ordenamento do território, urbanismo e ambiente, persistem 4 problemas fundamentais:
- o atraso na revisão do Plano Director Municipal (PDM) – que regulamenta o uso e organização do espaço urbano e não urbano do concelho – incrementa os constrangimentos quanto à tomada de opções de organização do espaço e realização de obras e na definição de opções de desenvolvimento para o futuro;
- a falta de uma estratégia de desenvolvimento conjunta das três freguesias, que tem deixado o rumo do concelho indefinido ao longo dos anos e alicerçado em obras que, isoladamente, acabam por não surtir resultados práticos em termos de desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida das populações;
- a degradação, as intervenções desadequadas, e a falta de manutenção dos espaços urbanos em geral nas vilas de Alcáçovas, Viana do Alentejo e Aguiar, com especial incidência nos centros históricos, cujo parque habitacional, espaço público e património histórico têm vindo a ser abandonados e a degradar-se;
- e a fraca aposta no aproveitamento e valorização dos recursos e espaços naturais existentes no concelho, como impulsionador das modalidades de turismo rural e ambiental.
   

A candidatura do Partido Socialista – Movimento Unidos Pelo Concelho de Viana do Alentejo: Uma Nova Esperança apresenta-se como um grupo de trabalho honesto que pretende reunir todos os esforços e meios e trabalhar no sentido de dar resposta às necessidades crescentes nestes domínios já referidos e, com isso, melhorar e potenciar a qualidade de vida das suas populações.

  
Compromete-se a trabalhar no sentido da criação de um Programa Estratégico de Desenvolvimento do Concelho de Viana do Alentejo e de um enquadramento estratégico para uma reabilitação urbana sustentada e bem sucedida, traçando medidas objectivas de desenvolvimento e dinamização dos diferentes sectores ajustadas à realidade do concelho, às oportunidades existentes e à ambição de Viana do Alentejo; integrando as propostas e obras em curso e a introdução de novas ideias e propostas, num modelo de desenvolvimento sustentável capaz de gerar riqueza, a coesão social e territorial do concelho e a melhoria da qualidade de vida.

 
Apostará num Plano Director Municipal de “nova geração” integrado numa visão estratégica de desenvolvimento, bem elaborado, em processo participativo, capaz de ajudar a tomar decisões no presente e de conduzir com eficácia as mudanças necessárias naquilo que se pretende para o futuro.

 
Pretende apostar num ambiente melhor para todos, através do reforço da rede de reciclagem, com especial destaque para as zonas industriais, na regularização do funcionamento das ETAR, e na promoção do uso racional da água e da energia, promovendo a eficiência energética. Apostará na promoção, protecção e valorização dos espaços naturais e paisagem com medidas específicas para a potencialização do turismo rural e ambiental.

  
Em suma, a candidatura PS pretende, com toda a honestidade e empenho, dar resposta aos problemas actuais nas áreas do ordenamento do território, do urbanismo e do ambiente que limitam severamente o desenvolvimento e a qualidade de vida das populações de Alcáçovas, Aguiar e Viana do Alentejo; e, assim, preparar o concelho para os desafios futuros, apostando num município mais desenvolvido, atractivo, competitivo e com maior projecção a nível regional e nacional.

 
Por estas razões e muitas outras expressas no programa eleitoral e no contacto com a população, e pela inquestionável competência, dinâmica e empenho desta lista, a Candidatura PS merece sem dúvida o nosso voto de confiança!

   
B. Borges

publicado por alcacovas às 00:38
| comentar

Publicado por:

André Correia (AC); António Costa da Silva; Bruno Borges; Frederico Nunes de Carvalho; Luís Mendes; Ricardo Vinagre.

Posts recentes

_

***

“Alcáçovas Vila Global”

Inauguração da obra de Re...

Recordação do nosso Blog:...

Há 6 anos atrás começou a...

Vitória

Um brinde à Arte Chocalhe...

O Fabrico de Chocalhos já...

Mostra de Doçaria de Alcá...

Arquivos

Fevereiro 2019

Outubro 2016

Agosto 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Blogs

Pesquisar neste blog