Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

Relatório do Planeta Vivo

É um novo alerta em matéria de sustentabilidade. Segundo o Relatório Planeta Vivo 2014, tornado público esta semana, a Terra perdeu 50% da sua fauna em apenas 40 anos, continuando por outro lado a aumentar a pressão humana sobre a natureza, vulgarmente conhecida por "pegada ecológica". Em conjunto, as duas realidades "ameaçam os sistemas naturais e o bem-estar humano", sublinha o estudo, que em simultâneo deixa em aberto possíveis soluções.

Os dados recolhidos pela Rede WWF, autora do relatório, permitiram concluir que "as populações de peixes, aves, mamíferos, anfíbios e répteis diminuíram 52% desde 1970". A região da América Latina destaca-se como uma das zonas com quebras mais "dramáticas".

No que às causas diz respeito, a perda e degradação dos habitats surge como a principal inimiga da biodiversidade, ainda que a pesca e a caça furtiva figurem na lista como "ameaças significativas". Outro dos motivos de preocupação - confirma o relatório - são as alterações climáticas, que já aparecem como responsáveis pela possível extinção de espécies.

 

Portugal na 27ª posição
Apesar dos avisos, os recursos naturais continuam a ser utilizados e consumidos a um ritmo preocupante. A procura supera em 50% a capacidade de renovação da natureza, o que significa que "seriam necessários 1,5 planetas Terra para produzir os recursos necessários para suportar a nossa pegada ecológica atual".

Os "estragos" não são feitos por igual. Analisada a distribuição geográfica, os 10 países com as maiores pegadas ecológicas per capita são Kuwait, Qatar, Emirados Árabes Unidos, Dinamarca, Bélgica, Trinidad e Tobago, Singapura, Estados Unidos da América, Bahrain e Suécia.

Portugal aparece na 27ª posição, lugar que não destoa muito dos seus parceiros da União Europeia. Cada um dos 27 gasta acima dos recursos disponíveis, sobretudo a Bélgica, pela negativa - é o pior entre os seus pares. A Roménia revela a menor pegada ecológica.

O Relatório Planeta Vivo 2014 é a décima edição da principal publicação bianual da Rede WWF. Segundo a nota que o apresenta, "analisa mais de 10.000 espécies de populações de vertebrados entre 1970-2010, através do Índice do Planeta Vivo - uma base de dados mantida pela Sociedade Zoológica de Londres". A medida da pegada ecológica humana é fornecida pela Global Footprint Network.

AC

Ler mais: http://expresso.sapo.pt/esta-a-ver-como-e-elegante-la-de-cima-ha-um-novo-problema-ca-em-baixo-a-por-isto-em-causa=f891817#ixzz3F0Qlcf4k

publicado por alcacovas às 17:44
| comentar
1 comentário:
De Anónimo a 3 de Outubro de 2014 às 19:44
XIII Gala dos Prémios Mais Alentejo 2014

Os chocalhos de Alcáçovas estão nomeados na categoria Mais Tradição, dos Prémios Mais Alentejo 2014, que serão atribuídos no próximo dia 31 de outubro, durante a XIII Gala que terá lugar no Teatro Pax Júlia, em Beja.

Para votar basta entrar no site da Revista Mais Alentejo em http://rjbatista.net/revistamaisalentejo/2014/index.html

Para que o seu voto seja válido terá de votar obrigatoriamente em todas as categorias.

Não existe limite do número de vezes que pode votar.

Participe! Vote nos Chocalhos de Alcáçovas!

A votação termina às 24h00 do dia 28 de outubro.

Comentar post

Publicado por:

André Correia (AC); António Costa da Silva; Bruno Borges; Frederico Nunes de Carvalho; Luís Mendes; Ricardo Vinagre.

Posts recentes

_

***

“Alcáçovas Vila Global”

Inauguração da obra de Re...

Recordação do nosso Blog:...

Há 6 anos atrás começou a...

Vitória

Um brinde à Arte Chocalhe...

O Fabrico de Chocalhos já...

Mostra de Doçaria de Alcá...

Arquivos

Fevereiro 2019

Outubro 2016

Agosto 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Blogs

Pesquisar neste blog