Terça-feira, 31 de Janeiro de 2006

Regionalização (referendo 98)

refere.jpg

portug.gif
Era este o aspecto que o refendo de 1998 proponha para o nosso país e que foi chumbado pelos portugueses.
O referendo tinha duas perguntas:

1ª) Concorda com a instituição em concreto das regiões administrativas?
Os resultados a nível nacional foram:
Sim: 36,49%
Não: 63,51%
Os resultados no Alentejo foram:
Sim: 53,85%
Não: 46,15%



2ª) Concorda com a instituição em concreto da região administrativa da sua área de recenseamento eleitoral?
Os resultados a nível nacional foram:
Sim: 36,08%
Não: 63,92%
Os resultados no Alentejo foram:
Sim: 50,64%
Não: 49,36%

Penso que estes resultados falam por si e mostram o descontentamento dos Alentejanos em relação a distribuição do poder político/administrativo/económico que existia e que existe no nosso país.
A prova do descontentamento dos alentejanos esta nos resultados do referendo de 1998, sendo no Alentejo o único local onde ganhou o Sim a regionalização. Mas pelos vistos este resultado não quis dizer nada a classe política uma vez que passados sete anos após o dito referendo o Alentejo continua a ser a região mais esquecida do país.
Mesmo tendo ganho o NÃO, não deveríamos senhores políticos perderem um pouco do seu tempo a tentarem perceber o porquê dos alentejanos querem a regionalização?
Não deveriam os portugueses em geral perceber que este não foi um Grito do Ipiranga por parte dos alentejanos mas sim um grito como que a dizer “Olhem para nós! Nós também existimos! Nós também somos portugueses!”

rmgv

publicado por alcacovas às 23:48
| comentar
1 comentário:
De Anónimo a 1 de Fevereiro de 2006 às 16:20
O artigo do RV é oportuno e, passados mais de 7 anos, permite repensar o nosso próprio voto em 1998 com aquilo que eventualmente votariamos hoje. Mas numa coisa não concordo, que é com a análise "separatista" do RV.
Este problema da regionalização tem que ser visto a nível global. Pior ou melhor a divisão do País em regiões administrativas tem que ter em conta os diversos interesses, no melhor sentido, quer do meu "território" quer os dos meus vizinhos. Esta divisão pode ser clara/óbvia a Sul, mas a Norte e a Oeste temos muito que discutir/analisar.
Os concelhos a sul do Tejo, do Distrito de Santarem devem pertencer a uma eventual Região Alentejo ou não?
E a zona Sul da Beira e o Alto Alentejo?
E os concelhos "alentejanos" do Distrito de Setúbal?
Mas acima de tudo temos que estudar o tipo /grau
de autonomia desejado e viável, a composição e escolha/eleição dos seus orgãos de poder, etc.
E, na minha opinião pôr de lado os "interesses" partidários.
Procurar as melhores soluções para a regionalização, mas sempre com um olho os partidos.
A continuar...
AC
André Avô
</a>
(mailto:raco93@yahoo.ie)

Comentar post

Publicado por:

André Correia (AC); António Costa da Silva; Bruno Borges; Frederico Nunes de Carvalho; Luís Mendes; Ricardo Vinagre.

Posts recentes

***

“Alcáçovas Vila Global”

Inauguração da obra de Re...

Recordação do nosso Blog:...

Há 6 anos atrás começou a...

Vitória

Um brinde à Arte Chocalhe...

O Fabrico de Chocalhos já...

Mostra de Doçaria de Alcá...

Para onde vamos?

Arquivos

Outubro 2016

Agosto 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Blogs

Visitas a partir de 5/3/2006

De onde nos visitam?

outils webmaster
contador

Pesquisar neste blog