Segunda-feira, 13 de Fevereiro de 2006

Regionalização, o que é que nós queremos?

O tema começa a aquecer e vão-nos chegando alguns artigos, entrevistas, reacções pró e contra.
E encontrei-me a comentar para os meus botões: o que é que eu quero da regionalização, o que é que esta pode fazer por todos nós?
É mais do que evidente que a maioria deseja, pensa, que a regionalização poderá contribuir para melhorar certas situações, para criar mais emprego, melhores ordenados, para que nas escolas se ensine melhor e nos hospitais se tenha que esperar menos para se ser tratado/operado, etc.
Será que a regionalização poderá inverter situações, fazer aquilo que os governantes centrais e até locais não puderam ou não quizeram fazer?
Será possível fazer uma regionalização válida sem mudar muita coisa na administração central?
Como regionalizar com uma administração pesada, burocrática, que não compreende os problemas de cada região (dos seus residentes)?
Como avançar com partdos, ou com alguns políticos (desses mesmos partidos) que já projectam um reforço do seu poder a nível regional?
Só de pensar que "uma" regionalização" decalcada pelas regras vigentes, ao serviço de clientelas diversas, criadora de empregos para os "boys", fico com insónias. Mas talvez estes temores sejam mais uma, muito forte razão, para discutir, pensar, propor e vigiar.
Há muito trabalho pela frente, mas não podemos perder a oportunidade ou, muito menos, embarcar num qualquer modelo de regionalização à medida de Lisboa e contra os interesses dos Alentejos, das Beiras, Algarves e outros.
Para acabar deixo uma pergunta ingénua: por e para quê uma Região de Lisboa?
AC
publicado por alcacovas às 18:38
| comentar
5 comentários:
De Anónimo a 13 de Fevereiro de 2006 às 23:00
Caro André o que você diz pode ser verdade e eu confio na sua experiência a questão é para mim esta: se as coisa estão a nível nacional com estão, porque não acreditar que a nivel regional se consegue melhorar as coisas, a questão que o meu caro amigo tanto parece temer (eu próprio a temo) é a corrupção, mas esta não acontece já com a actual configuração administrativa do país? não quero de forma alguma chegar com este debate e reflexão a um resultado imediato quero sim e como propus quando lancei o desafio ir o mais profundo possível em materia de regionalização, aprender e compreender como fazer o "fato"...rmgv
(http://alcacovas.blogs.sapo.pt)
(mailto:rgvinagre@gmail.com)
De Anónimo a 13 de Fevereiro de 2006 às 22:33
O incansável RV parece-me demasiado confiado. Eu tambem quero ter fé e acreditar nos intervenientes do processo regionalização.
Mas a experiência diz-me que nem sempre, para não dizer raras vezes, a minha esperança se concretiza.
Porque não devemos nós ser tambem intervenientes, criticando, dando sugestões, estudando o assunto?
Porque é que os estudantes de economia não fazem deste problema base para as suas teses?
Nós podemos estudar, investigar, discutir e até podemos alinhar algumas sugestões válidas.
Temos que procurar ir para alem das definições eruditas.
Temos que procurar compreender e justificar a bondade da regionalização não de uma forma académica, mas sim pelos olhos do residente, procurando avaliar o que as pessoas querem.
E daí procurar compreender como estrutura-la para benefício da Região e, obviamente, para benefício dos seus habitantes.
Vamos procurar compreender de dentro para fora, medir o corpo antes de fazer o fato.
AC Andre Correia
(http://www)
(mailto:raco93@yahoo.ie)
De Anónimo a 13 de Fevereiro de 2006 às 20:33
Regionalização é um assunto que tem de ser muito bem estudado, mas creio que será vantajoso para o País, pois cada macaco no seu galho, e não misturar alhos com bugalhos! Mas reafirmo, é uma situação que tem de ser muito bem estudada!Miguel Pestana
(http://www.pensaralentejo.blogs.sapo.pt)
(mailto:Md_pestana@hotmail.com)
De Anónimo a 13 de Fevereiro de 2006 às 19:31
Ora ai esta um dos pontos fundamentais de quendo se fala sobre regionalizaçã; o porquê de uma região de Lisboa e Vale do Tejo? assim também poderia ser criada a região de évora e concelhos ao lado de évora! não tem qualquer logica e ai sim se vê que até aqueles que defendem a regionalização querem manter as capelinhas. O debate sobre a regionlização tem que ser sério e temos de ter fé nos intervenientes e acretidar que estes vão resolver o problema da regionalização para o bem da sua região e principalmente para o bem de Portugal e não para o seu próprio bem...rmgv
(http://alcacovas.blogs.sapo.pt)
(mailto:rgvinagre@gmail.com)
De REGIONALISTAS NORTENHOS a 20 de Janeiro de 2008 às 23:49
Exmo. Senhor

Somos um Grupo de pessoas do Distrito do Porto defensoras de corpo e alma para que se avance com a Regionalização, independentemente das nossas crenças politicas e religiosas.

Dái, termos decidido criar uma Página no HI5 com o endereço:

http://regionalistasnortenhos.hi5.com/

para avaliar a capacidade de resposta e aderencia dos Portugueses e se esta questão já estava esquecida.

Pois enganámo-nos redondamente, tem sido fantástico, pois em dois dias de existência a mesma já conta com 140 Portugueses inscritos, mas também já tivemos Portugueses que não pretenderam aderir.

Para qualquer contacto o nosso email é:
regionalistas.nortenhos@gmail.com

Cumprimentos de toda esta Equipa Nortenha.

Comentar post

Publicado por:

André Correia (AC); António Costa da Silva; Bruno Borges; Frederico Nunes de Carvalho; Luís Mendes; Ricardo Vinagre.

Posts recentes

***

“Alcáçovas Vila Global”

Inauguração da obra de Re...

Recordação do nosso Blog:...

Há 6 anos atrás começou a...

Vitória

Um brinde à Arte Chocalhe...

O Fabrico de Chocalhos já...

Mostra de Doçaria de Alcá...

Para onde vamos?

Arquivos

Outubro 2016

Agosto 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Blogs

Visitas a partir de 5/3/2006

De onde nos visitam?

outils webmaster
contador

Pesquisar neste blog