Segunda-feira, 19 de Agosto de 2013

Ribeira das Alcáçovas

Estas são apenas algumas das muitas fotos da caminhada do dia 17 Ago., no Trilho dos Moinhos Velhos da Ribeira de Alcáçovas, gentilmente cedidas pelo nosso compadre Henrique Carvalho.  Inserido nos Festejos em Honra de S. Geraldo, organizado pela Secção Outdoor da Associação dos Amigos de Alcáçovas, este evento teve 35 participantes e com a preciosa ajuda do Fernando e do Nuno, do Sport Club Alcaçovense (SCA), fomos transportados até á Ponte Romana, começando nesse local a nossa caminhada de regresso a Alcáçovas.  Passámos nas ruínas dos moinhos de água do Diegues, do Salsinhas e do Bigorrilhas, apreciámos os pegos e levadas existentes ao longo do trilho e no final, refrescámo-nos com água da Fonte do Concelho.  Com este excelente grupo de caminheiros, alguns vindos de longe, conseguimos proporcionar uma manhã muito bem passada em contacto com uma paisagem de Montado a pedir mais caminhadas como esta...

 

João Mendes projectou o percurso e guiou um grupo de mais de 30 pessoas, muitas de fora. Assim se mostra e valoriza o nosso património ambiental.

 

 

 

 

 

 

Ver mais fotos no Melhor Alentejo do Mundo.

AC

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por alcacovas às 22:27
| comentar
Sábado, 17 de Agosto de 2013

Haxixe

Recebi um comentário que aqui reproduzo:

 

 

j f....   (IP: 177.156.235.121)  disse sobre O haxixe é inofensivo?  na Sexta-feira, 16 de Agosto de 2013 às 03:25:

     

" Oi, vou sair nesse final de semana para fumar haxixe com uns amigos. Eu nunca fumei, só uma vez experimentei a erva. Mas realmente vicia? Recomendam eu não experimentar? Ou apenas uma vez não há problemas? "

 

 

Não posso concordar no que diz respeito a ficar viciado. Ficar viciado é sempre mau, seja com erva, alcool, tabaco, drogas pesadas, etc.

São poucas as pessoas que realmente controlam o consumo do haxixe, pelo que o melhor é não provar.

O tabaco, que faz tanto mal como a erva, é um vício quase incontrolável.

Há que pensar bem.

Cada um é como é.

 

AC 

publicado por alcacovas às 13:08
| comentar

McDonalds

 

 Lido e copiado do Twitter

 

Estamos sempre a ser enganados.

 

"O Chef Jamie Oliver acaba de ganhar uma batalha contra a maior cadeia de “junk food” do mundo. Depois que Oliver mostrou como fazer hambúrgueres, à McDonalds, a marca anunciou que vai alterar a receita.

De acordo com Oliver, as peças de carne gordas são “lavadas” com hidróxido de amónia e, em seguida, utilizadas na fabricação do “bolo” de carne para encher o hambúrguer. Antes deste processo, de acordo com o apresentador, a carne era imprópria para consumo humano.

Oliver, Chef ativista radical, que tinha assumido uma guerra contra a indústria de alimentos, diz: estamos a falar de carne que tinha sido vendida como alimento para cães e após este processo serve para os seres humanos. Para além da qualidade da carne, o hidróxido de amónia é prejudicial para a saúde.

Em outras iniciativas Oliver demonstrou como são os nuggets de frango: Depois de selecionar os “melhores momentos”, o resto: a gordura, pele, cartilagem, órgãos, ossos, cabeça, pernas, são submetidos a separação mecânica liquefeitos, é o eufemismo usado por engenheiros de alimentos, e, em seguida, que a pasta de sangue-de-rosa é desodorada, descoloridos reodorizada e repintado, capeadas de marshmallow farináceos e frito, este é geralmente reboiler em óleos parcialmente hidrogenados, ou seja tóxico.

Nos EUA, Burger King e Taco Bell já abandonaram o uso de amônia nos seus produtos. A indústria alimentar utiliza hidróxido de amónia como um agente anti-microbiano, o que permitiu à McDonalds usar nos seus hambúrgueres de carne de entrada, impróprios para consumo humano.

Mas irritante ainda é a situação em que essas substâncias à base de hidróxido de amónio são consideradas “componentes legítimos para procedimentos de produção” na indústria de alimentos, com as bênçãos das autoridades de saúde em todo o mundo. Portanto, o consumidor não pode nunca por a descoberto o que os produtos químicos que põem na nossa comida.”

 

AC

publicado por alcacovas às 12:41
| comentar
Quinta-feira, 15 de Agosto de 2013

Trilho dos Moinhos Velhos da Ribeira de Alcáçovas

 

Retirado do http://omelhoralentejodomundo.blogspot.pt/

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 16:47
| comentar
Quarta-feira, 14 de Agosto de 2013

Apresentação do livro "Do Japão para o Alentejo"

Esta mensagem serve apenas para relembrar os interessados que a apresentação do livro do dr. Tiago Salgueiro será precedida de uma actuação do Grupo Coral dos Trabalhadores das Alcáçovas, pelas 18h.00 na Praça da República, organização da Junta de Freguesia das Alcáçovas e no final da apresentação do livro, haverá espaço para uma sessão de autógrafos e venda de exemplares, acompanhados de um Porto de Honra.

Haverá também sensivelmente entre as 20h.30 e as 21h00 um jantar no restaurante Paço Real. Aos interessados aqui fica o contacto para a respectiva confirmação: fredcarvalho78@hotmail.com. Agradece-se que esta seja feita até à próxima 6ªfeira, dia 16.

Atenciosamente,

 

 

Frederico Nunes de Carvalho

publicado por alcacovas às 23:53
| comentar
Segunda-feira, 12 de Agosto de 2013

Do Japão para o Alentejo

A apresentação da obra "DO JAPÃO PARA O ALENTEJO" tem uma alteração: em vez de 17 de Agosto pelas 17.30 H é às 18.30 H 

                 

Integrado nas comemorações do dia da Freguesia esta história (verdadeira) de uma visita de uma embaixda japonesa ao Alentejo no ano de 1584 deverá ser muito interessante.Vir até ao Alentejo há cerca de 430 anos é obra. Porque é que eles cá vieram?

 

Venham assistir. Vai valer a pena.

 

AC 

 

 

 

 

 

publicado por alcacovas às 15:52
| comentar

Festa do Grupo Coral "Os Trabalhadores" de Alcáçovas

publicado por alcacovas às 12:34
| comentar

Festas de São Geraldo 2013 - Alcáçovas

publicado por alcacovas às 12:04
| comentar
Quinta-feira, 8 de Agosto de 2013

Trilho dos Moinhos Velhos da Ribeira das Alcáçovas - 17 agosto

publicado por alcacovas às 10:32
| comentar
Segunda-feira, 5 de Agosto de 2013

"Do Japão para o Alentejo"...

...brevemente nas Alcáçovas.

Uma terra que acolhe cada vez mais iniciativas de índole cultural!!

 

 

 

 

Atenciosamente,

 

 

Frederico Nunes de Carvalho

publicado por alcacovas às 22:51
| comentar | ver comentários (1)
Sexta-feira, 2 de Agosto de 2013

Antiga Alcáçovas

 Antiga Praça da República em Alcáçovas

 

 

Rossio

 

 

 

S. Geraldo há 100 anos

 

 

 

 

A SOCIEDADE U. A.

 

 

Alcáçovas de há 100 anos

 

 

 

 

 

Escola, Jardim e Coreto

 

 

A antiga Escola Primária

 

 

 

CONJUNTO TRIUNFO----ALCÁÇOVAS ---FINAIS DOS ANOS CINQUENTA

 

 

ORQUESTRA U. ALCAÇOVENSE

 

Alcáçovas Antiga – Rua Dr. Aleixo de Abreu

 

UM DOS FAMOSOS BAILES DA SOCIEDADE

 

 

 

Visto no Facebook relacionado com Alcáçovas

 

Alcáçovas Outdoor Trails https://www.facebook.com/groups/185425694895955/

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 18:02
| comentar

Coreto, Alcáçovas, Viana do Alentejo, a luz nasceu no Alentejo Central

Os primeiros registos, que existem de um coreto na vila das Alcáçovas, neste caso iconográficos, são de 1910, estrutura efémera, como ocorreu um pouco por todo o pais. Esta estrutura era utilizada na Praça e também no Largo Alexandre Herculano, para que a Banda de Música da Sociedade União Alcaçovense se fizesse ouvir com as suas obras e repertórios.

 

Alguns anos mais tarde, a partir de 1925, julga-se que terá surgido a ideia entre os Alcaçovenses, para a construção de um Coreto no Largo Alexandre Herculano.

 

Por esta altura já se tinha iniciado, entre a Vila das Alcáçovas e a Cidade de Setúbal, um intercâmbio cultural, que haveria de culminar com a inauguração do Coreto em 29 de Setembro de 1929. Este intercâmbio terá existido, pelo facto de nas primeiras décadas do século XX, a Banda de Música da Capricho Setubalense, ser dirigida pelo ilustre Alcaçovense, o Maestro Doménico Maia. De referir também, que o Alcaçovense, Sr. Agripino Maia, dirigia neste período, o famoso Sextetos de Saxofones, da Sociedade Capricho Setubalense que deslumbrantes saraus musicais proporcionaram aos Alcaçovenses.

O coreto da vila das Alcáçovas tem atualmente 84 anos.

 

Tal como o nosso Coreto, todos os coretos ficarão para sempre caracterizados como um símbolo de descentralização e democratização cultural, não só em Portugal, mas também em toda a Europa. Transmissores dos ideais de igualdade, os coretos foram sem dúvida, um dos símbolos responsáveis, por a cultura ter saído dos meios intelectuais para a rua. Locais onde o analfabetismo predominava, passavam-se então a ouvir as bandas filarmónicas, sendo então transmitido para toda a comunidade, o gosto pela música.

 

 

Visto em http://aletradeumalentejo.blogspot.pt/

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 18:01
| comentar

Publicado por:

André Correia (AC); António Costa da Silva; Bruno Borges; Frederico Nunes de Carvalho; Luís Mendes; Ricardo Vinagre.

Posts recentes

***

“Alcáçovas Vila Global”

Inauguração da obra de Re...

Recordação do nosso Blog:...

Há 6 anos atrás começou a...

Vitória

Um brinde à Arte Chocalhe...

O Fabrico de Chocalhos já...

Mostra de Doçaria de Alcá...

Para onde vamos?

Arquivos

Outubro 2016

Agosto 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Blogs

Visitas a partir de 5/3/2006

De onde nos visitam?

outils webmaster
contador

Pesquisar neste blog