Sexta-feira, 30 de Maio de 2008

1º TORNEIO DOS CAMPEÕES DE FUTSAL 2008 - SPORT CLUB ALCAÇOVENSE

SORTEIO ADIADO PARA TERÇA-FEIRA ÀS 21H - DIA 3 DE JUNHO

 

Pela Direcção do SCA

 

António Costa da Silva

 

publicado por alcacovas às 19:34
| comentar | ver comentários (2)

7º aniversário da Associação Terra Mãe

 

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 19:31
| comentar

GRAFITTI NO MURO DA PALESTINA

 

 

 

Visto no http://jumento.blogspot.com/

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 19:26
| comentar
Quinta-feira, 29 de Maio de 2008

COMO POUPAR GASOLINA

 

Visto no http://jumento.blogspot.com/

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 20:32
| comentar
Quarta-feira, 28 de Maio de 2008

Aldrabado pela Staples Office Centre de Évora

Há menos de um ano atrás comprei uma pequena máquina fotográfica digital que custou 119€. É com essa máquina que tenho tirado muitas das fotos que publico aqui no blog

 
Há um mês e pouco atrás a máquina deixou de funcionar. Levei-a à empresa onde a comprei e pedi que a mesma fosse analisada para então poder ser concertada. Neste caso foi comprada na Staples Office Centre. Entreguei-a no dia 28/04/2008 e informaram-me que entre 8 e 30 dias a mesma seria arranjada. No entanto, teria que ser verificada para ver se o dano foi por mim provocado ou se seria deficiência da máquina. Caso fosse da minha responsabilidade ser-me-ia apresentado um orçamento para então poder ser recuperada.
 
Hoje, dia 28/05/2008, passado um mês e um dia recebi um telefonema da Staples Office Centre a informar-me que já tinham orçamento e que este era de 148€. Eu nem queria acreditar, o valor do orçamento era superior ao valor da máquina. Aliás, perguntei se estavam a brincar, mas disseram-me que esta empresa não brinca com os clientes. É claro, disse que não aceitava o referido orçamento.
 
Passado 5 minutos telefonam-me da referida empresa e pediram-me desculpas. Informaram-me que houve um erro e que afinal o orçamento não era de 148€ mas sim de 90,75€. A um primeiro alívio veio de seguida a irritação. Pedi à referida senhora que não me voltasse a ligar que eu haveria de lá passar.
 
Não me contive e fui imediatamente à Staples Office Centre de Évora.
 
Mal lá cheguei tentaram-me explicar o que não é explicável. Que isso acontece, não há vigarice nenhuma quando aparecem estas situações em que o valor do arranjo é quase igual ao valor da máquina (porque entretanto até já baixaram de preço e são de valor mais baixo que o valor do concerto). Também me garantiram que a responsabilidade da avaria é minha e não deficiência da máquina. Como é que eles sabem? Ninguém me conseguiu explicar a não ser o aparecimento duns riscos na óptica que eu não conseguia ver (eu sei que sou cegueta mas não tanto).
 
Moral da história: aconselharam-me a não aceitar o orçamento e a comprar uma nova porque é mais barato. Senti-me completamente roubado, sem quaisquer tipo de direitos.
 
Naturalmente nem fiz uma coisa nem outra, não aceitei a máquina nem assinei nada, porque deixei de ter confiança na Staples Office Centre.
 
Imediatamente pedi o livro de reclamações e transcrevi o que aqui está no blog.
 
Nunca pensei vir a dizer isto: mas ainda tenho uma réstia de esperança que seja a ASAE a ajudar-me a resolver esta questão. Ir para tribunal? Neste País?
 
António Costa da Silva
publicado por alcacovas às 23:19
| comentar | ver comentários (16)

O estado das desculpas

As desculpas dos nossos estadistas estão em muito mau estado.

Sugiro que há mingua de soluções para resolver a nossa penúria  trabalhem melhor as desculpas.

Estou mesmo a encarar a hipótese de mudar de profissão.

Vou propor-me como assessor ou consultor para embelezar, credibilizar as desculpas dos nossos políticos (claro que há excepções, mas cada vez mais difíceis de encontrar).

As desculpas têm que ser reinventadas. Apelar às novas tecnologias, inovar, diversificar, criar cursos específicos nas nossas universidades modernas.

Para terminar, um exemplo recente.

O nosso PM, Eng.. Sócrates foi entrevistado e uma das questões foi a da posição de Portugal em termos de pobreza e desigualdades sociais, no último lugar dos 25 países da UE.

Pois a resposta, ou as desculpas, centraram-se no seguinte: a culpa é do PSD.

Já o lobo da lenda disse o mesmo.

E é em casos como este que devia entrar o assessor das desculpas.

Eis o que o dito assessor poderia sugerir.

A culpa foi do  PREC.

A culpa foi do Mário Soares

A culpa foi do Cavaco, PM

A culpa foi do D: João IV

A culpa foi do Afonso Henriques.

Tudo menos confessar no que cada um falhou. Naquilo que cada um compreendeu antes de ser PM e naquilo que fez para, pelo menos, atenuar a situação real que vivemos.

Será que este PM, ou qualquer outro, está convencido que atirando as culpas para cima de outros está a ser credível?

Quando é que este tipo de políticos começa a usar a verdade quando falam para o povinho, quando é que compreenderão que a verdade é a melhor "desculpa"?

Seremos nós os ingénuos, ao pedirmos que nos digam a verdade, ou serão eles, os tais políticos, ingénuos quando pensam e continuam a pensar que não se pode dizer a verdade ao povo, ou pelo menos a "embelezar", disfarçar, para não ser entendida?

Será uma maldição?

Será que não outra forma de falar com o pobre e inculto povinho?

AC

publicado por alcacovas às 17:35
| comentar

Contribuição para a boa disposição matinal

Começa assim o relatório e contas da Galp Energia referente ao primeiro trimestre de 2008:
"O resultado líquido replacement cost ajustado do primeiro trimestre de 2008 foi de €109 milhões, uma redução anual de 8,4% em euros e um aumento de 4,6% em dólares americanos. Quando comparado com o último trimestre de 2007 o resultado líquido replacement cost ajustado apresentou um aumento de 160,6%."
Sim senhor, um aumento de 160,6% nos Resultados Liquidos (Lucros) face ao último trimestre de 2008. Fico muito mais esclarecido.
 
Retirado do http://opiolhodasolum.blogspot.com/
 
 
Editado por António Costa da Silva
publicado por alcacovas às 12:35
| comentar

POBREZA E DESIGUALDADES

 

 

 

 

POBREZA E DESIGUALDADES


Mário Soares

«Não posso dizer que tenha ficado surpreendido com o Relatório da União Europeia (Eurostat) e o trabalho, coordenado pelo Prof. Alfredo Bruto da Costa, do Centro de Estudos para a Intervenção Social (CESIS), intitulado "Um olhar para a pobreza em Portugal", divulgados há dias, que coincidem em alertar para o facto de a "pobreza e as desigualdades sociais se estarem a agravar em Portugal". Surpreendido não fiquei. Mas chocado e entristecido, isso sim, por Portugal aparecer na cauda dos 25 países europeus – a Roménia e a Bulgária ainda não fazem parte da lista – nos índices dos diferentes países, quanto à pobreza e às desigualdades sociais e, sobretudo, quanto à insuficiência das políticas em curso para as combater.
(...)
 

 

Em Portugal, permito-me sugerir ao PS – e aos seus responsáveis – que têm de fazer uma reflexão profunda sobre as questões que hoje nos afligem mais: a pobreza; as desigualdades sociais; o descontentamento das classes médias; e as questões prioritárias, com elas relacionadas, como: a saúde, a educação, o desemprego, a previdência social, o trabalho. Essas são questões verdadeiramente prioritárias, sobre as quais importa actuar com políticas eficazes, urgentes e bem compreensíveis para as populações. Ainda durante este ano crítico de 2008 e no seguinte, se não quiserem pôr em causa tudo o que fizeram, e bem, indiscutivelmente, para reduzir o deficit das contas públicas e tentar modernizar a sociedade. Urge, igualmente, fortalecer o Estado, para os tempos que aí vêm, e não entregar a riqueza aos privados. Não serão, seguramente, eles que irão lutar, seriamente, contra a pobreza e reduzir drasticamente as desigualdades.
(...)

 

Ler o resto no http://dn.sapo.pt/2008/05/27/opiniao/pobreza_e_desigualdades.html

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 12:24
| comentar

Queda no Investimento Estrangeiro

("Portugal de hoje", Wehavekaosingarden)

 
O Investimento Directo Estrangeiro (IDE), em Portugal, caiu 55% de 2006 para 2007. Passou de 9,1 mil milhões de euros para 4,1 mil milhões enquanto os nossos parceiros europeus, em média, viram o IDE subir 28%.

Relativamente ao IDE saído de Portugal (ao contrário do que afirmou Basílio Horta na RTP) também caiu, cerca de 19%, passando de 5.5 mil milhões em 2006 para 4,5 mil milhões em 2007.

Também no IDE, pelos vistos, Portugal não foge há continuada Divergência com a Europa.

Recordo a festança, a propaganda, as promessas, de não há muito tempo, de há cerca de um ano, que Basílio Horta, Sócrates e Teixeira dos Santos faziam sobre as “óptimas perspectivas” do Investimento Estrangeiro.

Só que a realidade não se compadece com as palavras ou as intenções do governo. E estes dados agora divulgados pelo Eurostat, vêm apenas confirmar o miserável estado a que chegou a nossa economia cada vez mais sem quaisquer perspectivas de futuro. Os sacrifícios dos portugueses têm servido apenas para manter os privilégios escandalosos e a vida principesca da nossa classe politica. E enquanto os cidadãos forem neste “taratantan” dos políticos (como diz Medina Carreira) e não se revoltarem a sério, nada haverá a esperar. Nada, mesmo nada, a não ser o agravamento continuado da economia e das condições sociais dos portugueses.

 

 

Retirado do http://classepolitica.blogspot.com/

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 12:21
| comentar
Terça-feira, 27 de Maio de 2008

UMA VIAGEM AO CORAÇÃO DE ÁFRICA - NUM TEMPO POSSÍVEL

 

 

O QUASE FIM DO MUNDO - PEPETELA
 

 

 

 

Chamo-me Simba Ukolo, sou africano, e sobrevivi ao fim do mundo.

 

«E se a vida animal de repente desaparecesse da Terra, excepto num pequeno recanto do mundo e em doses mínimas? Talvez as causas se conheçam depois, mas o que importa é a existência de alguns seres, aturdidos pelo desaparecimento de tantos, e procurando sobreviver. É sobre estes sobreviventes e as suas reacções, desejos, frustrações mas também pequenas/grandes vitórias que trata este romance. Detalhe importante: o recanto do mundo que escapou à hecatombe situa-se numa desgraçada zona da desgraçada África. O que permitirá questionar as relações contemporâneas no velho Mundo.»

 

Publicações Dom Quixote 

 

Editado por António Costa da Silva

 

publicado por alcacovas às 12:42
| comentar

Ser português!

 

publicado por Henrique Monteiro no http://henricartoon.blogs.sapo.pt/
 
Editado por António Costa da Silva
publicado por alcacovas às 12:33
| comentar

NÃO ABASTEÇO NA GALP, NEM QUE A MENINA DA BILHA ME LEVE AO COLO!

 

 

Campanha vista no http://jumento.blogspot.com/

 

Não costumo alinhar neste tipo de manifestações. No entanto, vou ser um dos primeiros a não abastecer na GALP.

 

Se esta situação se prolongar vou persistir em abastecer a minha viatura noutras bombas de gasolina, sobretudo naquelas que são mais baratas.

 

António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 12:12
| comentar

NEM SÓ DE GASOLINA VIVE O HOMEM

 

Neste mapa retirado do  http://jumento.blogspot.com/ pode-se comparar os impostos sobre os combustíveis nos diferentes paises da UE. Sublinhada está a comparação com os nossos vizinhos espanhõis. Assim, percebe-se um dos motivos da diferença.

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 12:07
| comentar

CONVERSAS COM PAIS .....

 

Enviado pela Associação Terras Dentro para divulgação.

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 11:47
| comentar
Segunda-feira, 26 de Maio de 2008

EXPOSIÇÃO DE BELA MESTRE

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 21:23
| comentar

COLÓQUIO - A Violência no Espaço Escola

 

Enviado para divulgação pela Associação de Pais da EBI / JI de Alcáçovas

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 21:17
| comentar

1º TORNEIO DOS CAMPEÕES DE FUTSAL 2008 - SPORT CLUB ALCAÇOVENSE

SORTEIO  E INSCRIÇÕES AMANHÃ- TERÇA-FEIRA ÀS 21H

 

Pela Direcção do SCA

 

António Costa da Silva

 

publicado por alcacovas às 21:08
| comentar

Malta do Andamento - Maio

Ontem, Domingo, saímos do Jardim para mais um passeio "pela nossa saúde".

Fomos 9, com 2 estreantes a Sassão e a Dália. Bem vindas e para continuar.

Andámos um pouco mais de 10 Km.

O percurso:

Pela estrada de Alcácer até ao limite da albufeira do Vale dos Tanques.

Voltámos para trás até ao caminho que à direita nos levou até à estrada do Torrão que atravessámos e metemos pela estrada de terra em direcção aos Barrancões.

Continuámos um pouco, virámos à esquerda e pela estrada do PI e do cemitério regressámos a casa.

Um apontamento: as piteiras em flor e já com alguns figos. Bonito, amarelos e vermelhos sobre fundo verde.

Pequenas coisas que nos dão um grande prazer.

Desta vez não há fotos.

AC

publicado por alcacovas às 13:05
| comentar
Sábado, 24 de Maio de 2008

Passeio pelo Património

 Explicações sobre a história do coreto das Alcáçovas, dadas pelo nosso amigo Orlando Botas.

 

 

 Conversas sobre o passado e o presente do Paço dos Henriques e Jardim das Conchas, com algumas explicações de João Pereira e António Costa da Silva.

 

 

 

Aqui deixo algumas fotografias tiradas no último dia 22 de Maio, aquando da iniciativa promovida pela AAA - Associação dos Amigos das Alcáçovas.

Permitam-me a confidência de que foi uma manhã muito bem passada. Venham mais destas!

 

Frederico Nunes de Carvalho

publicado por alcacovas às 23:31
| comentar | ver comentários (2)
Sexta-feira, 23 de Maio de 2008

PORTUGAL É O PAÍS SOCIALMENTE MAIS INJUSTO DA EUROPA

«Portugal foi hoje apontado em Bruxelas como o Estado-membro com maior disparidade na repartição dos rendimentos, ultrapassando mesmo os Estados Unidos nos indicadores de desigualdade. O Relatório Sobre a Situação Social na União Europeia (UE) em 2007 conclui, no entanto, que os rendimentos se repartem mais uniformemente nos Estados-membros do que nos Estados Unidos, à excepção de Portugal.» [Público]

 

Editado por António Costa da Silva

publicado por alcacovas às 09:29
| comentar | ver comentários (3)

Publicado por:

André Correia (AC); António Costa da Silva; Bruno Borges; Frederico Nunes de Carvalho; Luís Mendes; Ricardo Vinagre.

Posts recentes

***

“Alcáçovas Vila Global”

Inauguração da obra de Re...

Recordação do nosso Blog:...

Há 6 anos atrás começou a...

Vitória

Um brinde à Arte Chocalhe...

O Fabrico de Chocalhos já...

Mostra de Doçaria de Alcá...

Para onde vamos?

Arquivos

Outubro 2016

Agosto 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Blogs

Visitas a partir de 5/3/2006

De onde nos visitam?

outils webmaster
contador

Pesquisar neste blog